Como reconhecer e valorizar o colaborador?

Como reconhecer e valorizar o colaborador?

Bom para a autoestima e moral do colaborador, melhor ainda para os resultados da empresa – valorizar o colaborador e seu trabalho é uma das estratégias mais importantes na construção de uma equipe bem engajada e satisfeita. É assim que as empresas mais consolidadas (e admiradas) por sua postura em Recursos Humanos avaliam a importância de ações que reconheçam o bom trabalho de sua equipe.

Engana-se quem acredita que apenas o salário ou a escolha de benefícios competitivos podem ser suficientes na retenção de talentos e promoção da motivação diária, tão necessária para cumprimento da rotina no trabalho. O dinheiro em si é considerado um motivador de curto prazo: ele não promove o prazer na realização das atividades diárias. É preciso algo mais!

Para valorizar o colaborador

1. Saiba elogiar um bom trabalho

Benefícios são importantes, mas um elogio continua sendo a estratégia infalível para manter um colaborador motivado.

Os colaboradores estão desenvolvendo um bom trabalho? Por que não mostrar reconhecimento? Quando bem empregada, essa estratégia promove mais engajamento, motivação e satisfação não apenas com a empresa, mas com o próprio trabalho que realizam.

A sensação de satisfação com o trabalho desempenhado e a segurança de saber que há aprovação da empresa são elementos fundamentais para evitar uma equipe desmotivada, estressada, deixando de produzir como poderia e até mesmo procurando outras oportunidades de emprego.

Mais importante do que terminar o expediente é terminar o expediente depois de ouvir um parabéns. Em uma visão prática de negócio a verdade é que um elogio não traz custos extras para a empresa (não custa nada dar um parabéns para sua equipe). Por outro lado, para os colaboradores que recebem o reconhecimento, o elogio gera um sentimento de satisfação e valorização tão poderoso que pode perdurar por dias, tornando o ambiente mais prazeroso e o trabalho mais produtivo.

2. Esteja presente

O relacionamento com o gestor é parte fundamental da rotina profissional do colaborador. Se por um lado sua figura é capaz de promover confiança entre os colaboradores, por outro ela pode gerar uma equipe insegura e estressada, dependendo de sua gestão.

Quando o assunto é valorização do colaborador, conhecer a equipe é o passo mais importante. Alguns colaboradores prezam pela autonomia, enquanto outros preferem ser acompanhados mais de perto. Qualquer que seja o caso, é fundamental que o gestor se faça sempre presente, alinhando expectativas, mantendo claros os objetivos e orientando quando necessário. Dessa forma, o colaborador está mais propenso a atingir os resultados esperados pela empresa.

3. Invista em uma cultura de feedbacks

Ninguém gosta de trabalhar no escuro, sem saber como seus resultados estão sendo avaliados. Uma gestão transparente é a melhor solução para eliminar esse problema. Adotar uma rotina em que seja possível conversar com o colaborador periodicamente sobre seus resultados e desempenho na empresa, além de torná-lo mais seguro no desempenho de suas funções poderá contribuir com seu desenvolvimento e melhora contínua. E por que não ouvi-lo também em um feedback 360?  

4. Esteja aberta para ouvir os colaboradores

Uma empresa aberta para ouvir sugestões, críticas, novas ideias ou mesmo reclamações é uma empresa que valoriza o que o colaboradores tem a dizer. As pessoas apreciam o interesse e, consequentemente, sentem-se mais felizes e engajadas no negócio. Uma boa estratégia é abrir uma campanha de sugestões ou um email fixo para o qual os colaboradores possam enviar suas ideias. As melhores sugestões podem ser implantadas e receber premiações, por exemplo – o que é bom para o moral do colaborador e competitividade do negócio.

5. Não esqueça o “por favor” e “obrigado”

Claro que desempenhar o trabalho é obrigação de todos. Mas por que não usar as palavrinhas mágicas “por favor” e “obrigado” sempre que necessário? Afinal, além de educado, essa é uma forma de investir em um bom relacionamento e clima mais harmonioso no ambiente de trabalho.

6. Ofereça plano de carreira ou estratégias de desenvolvimento de pessoas

As pessoas se sentem mais motivadas e, consequentemente, engajadas quando sabem que estão dentro de um programa de desenvolvimento de pessoas e seu trabalho será recompensado de umas das formas mais práticas: o crescimento profissional. Ter a perspectiva de uma promoção ou plano de carreira é fundamental para promover a sensação de reconhecimento na empresa. Colaboradores tendem a se sentir mais valorizados quando sabem que seu trabalho pode trazer progressão em sua carreira.

7. Ofereça bônus anuais

Se é possível oferecer bônus para sua equipe, faça isso! Essa é uma maneira de recompensá-la pelo trabalho desenvolvido ao longo do ano. E, acredite: as expectativas se elevam bastante, juntamente com a produtividade e senso de responsabilidade.

Entretanto, embora o bônus possa ser um modelo de recompensa bastante eficaz na motivação da equipe, ele não é o único. Se não for possível envolver dinheiro na estratégia, basta lembrar que é possível expressar reconhecimento de diversas outras maneiras, inclusive mais pessoais e próximas, como um e-mail de parabenização enviado para toda a equipe, uma homenagem na festa de final de ano ou mesmo um cumprimento público. Essas ações podem fazer toda a diferença e promover uma sensação real de reconhecimento a gerar muito bons frutos.

Quer saber mais sobre como o Consulta do Bem pode ajudar a sua empresa? Acesse nosso site: empresas.consultadobem.com.br 😉

Deixe uma resposta