Sintomas da menopausa: saiba quais são e como amenizá-los

menopausa

Suores noturnos, ondas de calor, irritabilidade e insônia: esses são somente alguns dos sintomas da menopausa! Ela é causada pela queda dos hormônios femininos progesterona e estrogênio e ocorre comumente entre os 45 e os 55 anos de idade.

Essa é uma fase complicada na vida das mulheres, em especial no campo físico e emocional. Porém, com as atitudes corretas, é possível aliviar os sintomas e passar por esse período sem complicações.

Quer saber como fazer isso? Confira!

Afinal, o que é a menopausa?

Antes de explicar quais os sintomas da menopausa e como aliviá-los, precisamos especificar o que é esse fenômeno. Muitas vezes, o termo é utilizado como sinônimo de climatério, porém eles não possuem o mesmo significado.

O climatério é um fenômeno endócrino que ocorre de maneira natural, em todas as mulheres a partir dos 41 anos em média. Já a menopausa é a última menstruação, e é a partir daí que começa o período pós-menopausa. Esse marco ocorre, em média, aos 51 anos.

Quais os principais sintomas da menopausa?

Os sintomas desse período são inúmeros e podem variar de mulher para mulher, em especial devido à alimentação e ao condicionamento físico.

Alterações de humor

Como os hormônios estão passando por mudanças, as alterações de humor são frequentes durante a menopausa. O estrogênio é o encarregado por aumentar os níveis de dopamina e de serotonina no organismo, que são as responsáveis pelo humor.

Níveis baixos de estrogênio afetam a capacidade de lidar com as situações emocionais, levando ao mau humor.

Insônia

Um outro problema relacionado aos baixos níveis de estrogênio são os distúrbios noturnos. Isso ocorre pois esse hormônio regula os níveis de magnésio, que relaxa os músculos e permite uma noite tranquila de sono.

Logo, há uma maior dificuldade em dormir, o que pode acarretar em insônia e em suores noturnos.

Cansaço constante

Os hormônios afetados durante a menopausa são responsáveis pela regulagem do uso da energia nas células. Isso significa que, quando estão em níveis baixos, a capacidade energética do organismo se reduz, o que leva à fadiga, ao cansaço e à apatia, mesmo depois de muito descanso.

Calor em excesso

Como os níveis de estrogênio diminuem significativamente, o hipotálamo — termostato do nosso organismo — começa a se enganar, acreditando que o corpo está superaquecido, o que faz com que a mulher sinta mais calor que o normal.

Quais as melhores formas de aliviar os sintomas da menopausa?

Alguns alimentos são essenciais no alívio dos sintomas da menopausa, como a soja e seus derivados. Ela é rica em isoflavona, que é um atenuante dos sintomas causados pela queda nos níveis dos hormônios femininos. Em outras palavras: a soja atenua a diminuição dos níveis de estrogênio!

Alimentos que contêm magnésio também devem ser consumidos com frequência nesse período, pois, como você já viu, a deficiência desse mineral resulta em cansaço e fadiga. Oleaginosas, como amêndoas e castanhas, e os peixes são ótimas fontes de magnésio.

Além disso, é importante manter uma dieta equilibrada, com um menor consumo de doces e gorduras, e investir nas vitaminas que auxiliam na manutenção da saúde do organismo.

Praticar atividades físicas também é importante. A menopausa favorece o aumento de colesterol, acúmulo de gordura abdominal e surgimento de doenças cardiovasculares, sendo os exercícios essenciais nesse período.

É preciso ainda que as mulheres sempre procurem um médico ao perceberem os sintomas da menopausa, realizando exames preventivos e cuidando da saúde íntima! Um bom profissional também poderá prescrever reposição de hormônios e até suplementos vitamínicos de acordo com o seu perfil específico.

Percebeu como é importante conhecer os sintomas da menopausa? Além de entender o que está ocorrendo com seu organismo, você pode amenizá-los!

Quer conhecer mais sobre o assunto? Então, assine já a nossa newsletter!

Posts relacionados

Deixe uma resposta